Maria Elisa Granchi Fonseca é natural de Pirassununga/SP. Fez sua formação inicial em psicologia, graduando-se pela Puc Campinas em 1992.

Desde então, destinou-se a estudar o desenvolvimento e o comportamento humano na ótica da educação especial, fazendo todos os estudos posteriores na área do autismo e da psicologia infantil.

Foi buscar aprimoramento na Universidade da Carolina do Norte (USA) especializando-se em TEA (Transtornos do Espectro do Autismo) dentro do modelo TEACCH.

Atua como coordenadora geral do CEDAP da APAE de Pirassununga-SP-centro de atendimento idealizado por ela no começo dos anos 90- pioneiro neste serviço dentro do movimento apaeano. Além disso, realiza avaliações e acompanhamento em Psicologia Comportamental e Cognitiva para esta clientela em consultório, faz consultoria e serviços de orientação a escolas, pais, associações e órgãos públicos como escolas, CAPSI e CER.

Maria Elisa é professora universitária, participa de programas de capacitação no país com presença ativa nos eventos da área. Desde 1992 coordena os Programas para autistas do CEDAP da APAE de Pirassununga/SP, atua em clínica na abordagem comportamental (terapia e avaliação), supervisão e treinamentos. Faz parte do grupo pioneiro que estuda e atende autistas no Brasil, estando na área de forma bastante participativa há mais de 25 anos.

Reside em Pirassununga, interior de São Paulo, ainda que mantenha vínculos em todos os Estados, viajando de Norte a Sul na divulgação de seu trabalho. Participa assiduamente também das formações e atualizações oferecidas pela UNC nos USA, como criterio para manter-se representante do TEACCH. Uma vida inteira dedicando-se ao autismo.